Um ano sem Tarcísio Meira: relembre carreira!

Adeus
Carreira
Noites Brancas
Uma Pires Camargo
Família
Galã
TV Globo
Parceria
Cumplicidade
Espelho Mágico
Felipe Barreto
O Tempo e o Vento
Roda de Fogo
Tarcísio & Glória
Daniel Filho
Euclides da Cunha
Araponga
De Corpo e Alma
Hilda Furacão
A Muralha
Protagonismo
Páginas da Vida
Saramandaia
Último Papel
Ator, produtor, dramaturgo
Premiação
Adeus

Há um ano, a dramaturgia despedia-se de um dos maiores atores de todos os tempos: Tarcísio Meira. Aos 85 anos, ele foi infectado de covid-19 e não resistiu as suas consequências.

Carreira

Com uma carreira repleta de grandes papéis, Tarcísio Meira marcou a história do mundo das novelas, do teatro e deixou muita saudade. Na galeria a seguir, relembre alguns dos seus trabalhos!

(Foto: Divulgação / Arquivo / TV Globo)

Noites Brancas

Tarcísio Meira iniciou sua carreira no teatro, entretanto, foi também diante das câmeras que conquistou sua legião de fãs. Seu primeiro trabalho, na telinha, foi ainda na TV Tupi, em 1959, quando atuou em ‘Noites Brancas’.

(Foto: Divulgação / Arquivo / TV Globo)

Uma Pires Camargo

Em 1961, trabalhou ao lado de Glória Menezes, na novela ‘Uma Pires Camargo’. Pouco tempo depois, casaram-se. Permaneceram juntos até o fim dos dias do ator.

(Foto: Divulgação / Arquivo / TV Globo)

Família

Tarcísio e Glória tiveram apenas um filho, Tarcisinho, no entanto, o ator era padrasto de João Paulo e Maria Amélia, filhos que a atriz teve no primeiro casamento.

Galã

Sua fama de galã não era à toa, afinal, ele foi o primeiro a ocupar o posto na TV brasileira, quando atuou na novela ‘Ocupado’ em 1963, na TV Excelsior.

(Foto: Divulgação / Arquivo / TV Globo)

TV Globo

A estreia na TV Globo foi ao lado de sua esposa, no folhetim ‘Sangue e Areia’. Essa mudança de emissora fez com que Tarcísio se projetasse e passasse a acumular mais de cinquenta trabalhos entre telenovelas, minisséries e seriados de televisão.

(Foto: Acervo / Divulgação / TV Globo)

Parceria

Nas atuações globais, o casal trabalhou junto várias vezes: ‘Irmãos Coragem’, ‘Guerra dos Se x o s’, ‘Torre de Babel’, ‘A Favorita’ e na inesquecível ‘Páginas da Vida’ onde ele era Tide, e ela, Lalinha.

(Foto: Divulgação / TV Globo)

Cumplicidade

A cumplicidade e solidez do casamento ia além da convivência doméstica e encantava o público em geral. Em 1988 foi ao ar o seriado 'Tarcísio & Glória', uma produção feita especialmente em homenagem ao casal.

(Foto: Acervo / Divulgação / TV Globo)

Espelho Mágico

Nos anos de 1970, participou de grandes sucessos da televisão brasileira como a novela ‘Espelho Mágico’ (1977), de Lauro César Muniz, e a primeira versão de ‘Saramandaia’ (1976), onde deu vida a Dom Pedro I.

(Foto: Acervo / Divulgação / TV Globo)

Felipe Barreto

Já na década de 1980, arrancou risadas do público ao dar vida ao atrapalhado Felipe de Alcântara Pereira Barreto, no sucesso ‘Guerra dos S e x o s’ (1983). Na trama, contracenou com grandes nomes como Paulo Autran e Fernanda Montenegro.

(Foto: Acervo / Divulgação / TV Globo)

O Tempo e o Vento

Logo depois, mergulhou no universo do escritor Érico Veríssimo e interpretou o capitão Rodrigo, na minissérie ‘O Tempo e o Vento’ (1985). A obra, por sua grandeza e enredo impecável, ganhou a telona em 2013, e, o mesmo papel, desta vez, foi dado a Thiago Lacerda.

(Foto: Acervo / Divulgação / TV Globo)

Roda de Fogo

Em 1986, envolveu o público com o drama do personagem Renato Villar, na novela ‘Roda de Fogo’. Na trama, era um empresário de sucesso que se via diante de um sério problema de saúde. Nesse papel, fez par romântico com Bruna Lombardi.

(Foto: Acervo / Divulgação / TV Globo)

Tarcísio & Glória

A série ‘Tarcísio & Glória’ estreou em 1988 e o casal, além de ser protagonista, também produziu o seriado. No enredo, elementos de humor e o confronto de dois mundos: ele, o humano atrapalhado, e ela, a extraterrestre espantada com o que vê.

(Foto: Acervo / Divulgação / TV Globo)

Daniel Filho

Criada por Daniel Filho, Antônio Calmon, Euclydes Marinho e com direção de Roberto Talma, a série foi um sucesso e teve 13 episódios.

(Foto: Acervo / Divulgação / TV Globo)

Euclides da Cunha

O ano de 1990 foi marcado na vida do ator por duas grandes produções. A primeira foi a série ‘Desejo’, onde interpretou o controverso escritor Euclides da Cunha.

(Foto: Divulgação / TV Globo)

Araponga

A segunda foi a novela ‘Araponga’, escrita por Dias Gomes, Lauro César Muniz e Ferreira Gullar. No folhetim, Tarcísio interpretou o excêntrico detetive Aristênio Catanduva, o Araponga.

(Foto: Acervo / Divulgação / TV Globo)

De Corpo e Alma

A década de 1990 foi repleta de grandes atuações para o ator, dentre elas a interpretação de Diogo Varella, na polêmica novela de Glória Perez, ‘De Corpo e Alma’.

(Foto: Divulgação / TV Globo)

Hilda Furacão

Em 1994, Tarcísio brilhou no papel de Raul Pelegrini na novela ‘Pátria Minha’. Em 1998, foi César Toledo em ‘Torre de Babel’, e, no mesmo ano, fez parte do elenco de ‘Hilda Furacão’, na pele de João Possidônio.

(Foto: Divulgação / TV Globo)

A Muralha

Nos anos 2000, a minissérie ‘A Muralha’ chamou atenção do público e contou com interpretações inesquecíveis como a de Tarcísio Meira, ao incorporar Dom Jerônimo Taveira.

(Foto: Divulgação / TV Globo)

Protagonismo

Na mesma década, protagonizou, ao lado de Caio Blat, a novela ‘Um Anjo Caiu do Céu (2001). Também interpretou Bóris Vladescu / Igor Pivomar em ‘O Beijo do Vampiro’ (2002). Já em ‘Bang Bang’, foi John McGold.

(Foto: Divulgação / TV Globo)

Páginas da Vida

Em 2006, Tarcísio foi o inesquecível Tide, o chefe de uma enorme família, em ‘Páginas da Vida’. A novela, que foi de muito sucesso, tinha texto de Manoel Carlos e direção de Jayme Monjardim.

(Foto: Divulgação / TV Globo)

Saramandaia

Já em ‘Insensato Coração’ (2011) foi Theodoro Amaral. Também participou de ‘Gabriela’ (2012) e da segunda versão de ‘Saramandaia’ (2013), desta vez, interpretando Tibério Vilar.

(Foto: Divulgação / TV Globo)

Último Papel

Em seu último trabalho para a televisão, pudemos desfrutar de seu enorme talento como o Lorde Williamson, em ‘Orgulho e Paixão’, exibida em 2018.

(Foto: Divulgação / TV Globo)

Ator, produtor, dramaturgo

Além da televisão, Tarcísio alimentava uma paixão pelo teatro. Participou de vários espetáculos e recebeu vários prêmios, seja como ator, produtor ou dramaturgo.

(Foto: Divulgação / TV Globo)

Premiação

Em 2021, recebeu, de forma póstuma, o prêmio Bibi Ferreira, um dos mais importantes do teatro, na categoria de Melhor Ator, com a peça 'O Camareiro'.

Más para ti