Há um ano morria Kobe Bryant; saiba porquê era uma lenda do esporte!

Kobe Bryant: o mito
O nascimento da lenda da Mamba Negra
Draft 1996 e... no banco?
20 anos no Los Angeles Lakers
Cinco anéis em 20 anos
Duas finais perdidas
18 vezes no All-Star
Recorde de precocidade
Equipe Ideal NBA
Cestinha
Concurso de Mates
Cestinha histórico
Recorde de cestas
Extraordinário
A lenda
Cestinha histórico em playoff
Medalhista olímpico
Ética de trabalho
Contratos milionários
Jogo de despedida
Dois números para a história
Aposentadoria
Kobe ganha um Oscar
#MakeKobeTheLogo
Kobe Bryant: o mito

Durante duas décadas (1996-2016) Kobe Bryant jogou na NBA e deixou sua marca, para sempre, na história do basquete. No dia 26 de janeiro de 2020, o mundo inteiro se comoveu com sua trágica morte e a de sua filha, Gianna, em um acidente de helicóptero.

O nascimento da lenda da Mamba Negra

Kobe Bean Bryant nasceu no dia 23 de agosto de 1978, na Filadélfia, Estado da Pensilvânia (EUA). No Draft de 1996, enquanto estudava no distrito escolar Lower Merion, foi o décimo-terceiro selecionado por Charlotte Hornets. Depois de 15 dias, foi transferido ao Los Angeles Lakers, onde permaneceu até deixar o basquete para sempre.

Draft 1996 e... no banco?

Entre os jogadores da equipe de Kobe Bryant, na época, estavam: Allen Iverson (Philadelphia 76ers), Marcus Camby (Toronto Raptors) e Shareef Abdur Rahim (Vancouver Grizzlies). Nomes como Ray Allen, Antoine Walker e Lorenzen Wright também entraram a jogar antes que Kobe.

20 anos no Los Angeles Lakers

Kobe Bryant foi o único jogador que disputou 20 temporadas em um mesmo time na história da NBA.

Cinco anéis em 20 anos

Ao longo deste tempo, Kobe Bryant foi campeão 5 vezes:

Em 2000, contra o Indiana Pacers (4 a 2)

Em 2001, contra o Philadelphia 76ers (4 a 1)

Em 2002, contra o New Jersey Nets (4 a 0)

Em 2009, contra o Orlando Magic (4 a 1)

Em 2010, contra o Boston Celtics (4 a 3)

Duas finais perdidas

Além das cinco vitórias, Kobe Bryant participou de duas finais nas quais o Los Ángeles Lakers ficou em segundo lugar:

Em 2004, contra o Detroit Pistons (4 a 1)

Em 2008, contra o Boston Celtics (4 a 2)

Se tivesse ganhado estes jogos, Kobe Bryant superaria Michael Jordan, que conseguiu 6 anéis.

18 vezes no All-Star

Kobe Bryant jogou 18 vezes no All Star Game e, se não tivesse perdido os jogos dos anos 2010, 2014 e 2015, devido a lesões sofridas, este número subiria. De qualquer forma, foi o jogador mais jovem a participar do jogo: tinha 19 anos e foi em 1998.

Recorde de precocidade

Kobe Bryant foi o jogador mais jovem a entrar no Los Angeles Lakers e o terceiro na NBA. Tinha 18 anos e 72 dias quando disputou seus primeiros minutos como jogador angelino. Antes dele, este título era de Andrew Bynum (18 anos e 6 dias) e Jermaine O'Neal (18 anos e 53 dias).

Equipe Ideal NBA

Em 11 de suas 20 temporadas, Kobe Bryant ocupou a lista do time Ideal da NBA e, em outras 9 ocasiões, do Quinteto Defensivo do Ano. Era um jogador completo e o maior cestinha da história dos Lakers.

Cestinha

Tanto em 2006 como em 2007, Kobe foi o maior cestinha da NBA. Alcançou 35,4 e 31,6 pontos, respectivamente.

Concurso de Mates

Em 1997, Kobe Bryant também passaria a ser o vencedor mais jovem do Concurso de Mates do All Star Weekend. Ele tinha  18 anos e 169 dias.

Cestinha histórico

Kobe Bryant foi o quarto maior cestinha da história da NBA, com 33.643 pontos. Os três primeiros são: Kareem Abdul-Jabbar (38.387 pontos); Karl Malone (36.928 pontos) e Lebron James (33.655 pontos), a quem Kobe, horas antes do acidente, parabenizou por superá-lo no ranking. Na quarta posição, está Michael Jordan, com 32.292 pontos.

Recorde de cestas

Um momento inesquecível da carreira de Kobe Bryant foi quando ele marcou 81 pontos em um jogo contra o Toronto Raptors, no dia 22 de janeiro de 2006. O único que o superou foi Wilt Chamberlain, que marcou 100 pontos.

Extraordinário

Ao longo da sua carreira, Kobe Bryant conseguiu marcar 6 vezes mais de 60 pontos, 24 vezes mais de 50 pontos e 135 vezes 30 pontos. Somente Wilt Chamberlain (284) e Michael Jordan (211) superaram a Mamba Negra em número de jogos marcando mais de 40 pontos.

A lenda

Os registros de Kobe Bryant foram estratosféricos. O ala-armador foi o jogador mais jovem a chegar a  20.000, 25.000 e 30.000 pontos. Estes resultados poderiam ter sido ainda maiores se o jogador não tivesse fraturado o tendão de aquiles em abril de 2013.

Cestinha histórico em playoff

Em playoff, Kobe Bryant também ocupa a quarta posição como maior arremessador de bolas na cesta: 5.640 pontos. Na sua frente estão Kareem Abdul-Jabbar (5.762 pontos), Michael Jordan (5.987) e Lebron James, líder destacado com 6.911 pontos até o momento.

Medalhista olímpico

Além do Los Angeles Lakers, o time com o qual Kobe Bryant jogou foi a seleção dos Estados Unidos, ao lado de Chris Paul, Kevin Durant, Kevin Love e Lebron James, entre outros. Com ela, o jogador ganhou dois ouros olímpicos: Pequim 2008 e Londres 2012.

Ética de trabalho

Para chegar a ser a estrela que foi, Kobe Bryant trabalhou sem descanso. Quando frequentava o colégio, acordava às 5h da manhã e treinava até às 7h. Quando seus colegas chegavam para jogar, ele já estava pronto para o segundo round.

Contratos milionários

Os contratos assinados por Kobe Bryant, ao longo da sua carreira, representaram um total de 323 milhões de dólares. Entretanto, seu patrimônio é estimado em 750 milhões de dólares, entre investimentos e publicidade.

Jogo de despedida

No dia 13 de abril de 2016, Kobe Bryant jogou sua última partida, no Staples Center. O time rival foi o Utah Jazz, testemunha da última masterclass de basquete da Mamba Negra. Marcou 60 puntos para o delírio dos torcedores, entre eles famosos como Kanye West, Justin Bieber e Jack Nicholson, que estavam presentes na quadra.

Dois números para a história

Kobe Bryant jogou com os números 8 e 24. Quando deixou o Los Angeles Lakers, suas duas camisetas foram penduradas no alto do Staples Center, ao lado das usadas pelas lendas Magic Johnson e Kareem Abdul-Jabbar.

Aposentadoria

Depois de abandonar as quadras, Kobe Bryant passou a dedicar mais tempo à família. Em junho de 2019, nasceu sua quarta filha Capri Bryant. Já Gianna (foto) prometia ser uma estrela da WNBA.

Kobe ganha um Oscar

Depois de deixar o basquete, Kobe Bryant escreveu o artigo 'Dear Basketball', que foi publicado no The Player's Tribune', como um relato de despedida. Glen Keane transformou suas palavras em imagens e o jogador ganhou o Oscar de Melhor Curta-Metragem de Animação.

#MakeKobeTheLogo

Desde o acidente, milhões de pessoas aderiram à iniciativa #MakeKobeTheLogo. Trata-se de um pedido para que a NBA mude sua icônica logomarca com a imagem de Jerry West a de Kobe Bryant.

Más para ti