Plena
Testemunha
Perdas
Família
Pensionato
Gravidez
Paris
De volta ao Brasil
Livre
Tragédia
Sorte
Televisão
Globo
Dedicação
Dona Beija
Bufo & Spallanzani
Vila Madalena
Época
Verinha, em 'Da Cor do Pecado'
Livro de crônicas
Escritora
Acidente
Liberdade Liberdade
Pandemia
Youtube
Entretenimento
Maitê Proença: por trás da fama, um passado dramático
(1/25)
Plena

Os seus lindos olhos cor de mar, talento e simpatia fazem de Maitê Proença uma artista ímpar, que trilha um caminho de luz e paz interior. O que pouco se sabe é que essa plenitude foi conquistada a muito custo e aprendizado com um passado trágico.

Entretenimento
Maitê Proença: por trás da fama, um passado dramático
(2/25)
Testemunha

A vida começou a lhe ensinar e impor determinação quando ela tinha 12 anos. Na época, Maitê foi testemunha ocular do assassinato de sua própria mãe, a professora Margot Proença.

Entretenimento
Maitê Proença: por trás da fama, um passado dramático
(3/25)
Perdas

Não bastasse a perda irreparável, ela viu o crime sendo cometido pelo seu pai, o procurador Augusto Gallo que, movido pelo ciúme, executou a esposa com onze facadas.

Entretenimento
Maitê Proença: por trás da fama, um passado dramático
(4/25)
Família

O pai de Maitê não foi preso e acabou sendo absolvido em dois julgamentos. Na ocasião, a atriz foi testemunha de defesa do pai, o que facilitou o processo para ele e dificultou a vida para ela, que teve as relações cortadas com a família.

Entretenimento
Maitê Proença: por trás da fama, um passado dramático
(5/25)
Pensionato

Após o fato, Maitê foi internada em um pensionato luterano onde viveu por três anos. Depois seguiu para morar em um quarto numa igreja, ao lado da sacristia. Lá passou um ano sob os olhos de um padre radical.

Entretenimento
Maitê Proença: por trás da fama, um passado dramático
(6/25)
Gravidez

Aos 16 anos, em uma de suas imersões mundo afora, Maitê engravidou logo na primeira vez que teve uma relação. Viu-se então, encurralada, sem condições e sem experiência para assumir um filho. Decidiu então interromper a gravidez de maneira ilícita.

Entretenimento
Maitê Proença: por trás da fama, um passado dramático
(7/25)
Paris

Nessa mesma época, e após se recuperar do aborto, decidiu ir sozinha morar em Paris para terminar os estudos.

Entretenimento
Maitê Proença: por trás da fama, um passado dramático
(8/25)
De volta ao Brasil

De volta ao Brasil, já aos 19 anos, tentou fazer o curso de psicologia, porém a depressão e ansiedade não permitiam. Nessa época, ela se refugiou no álcool, cigarro e outros tipos de drogas.

(Foto da novela 'Sassaricando')

Entretenimento
Maitê Proença: por trás da fama, um passado dramático
(9/25)
Livre

Mais tarde, segundo explicou à revista Quem, decidiu mudar seus hábitos: "Larguei todas as drogas que usei sem qualquer sofrimento."

Entretenimento
Maitê Proença: por trás da fama, um passado dramático
(10/25)
Tragédia

19 anos após o crime, o pai da atriz cometeu suicídio. Seu irmão, que travava uma batalha com o álcool, tempos depois, também tirou sua própria vida.

Entretenimento
Maitê Proença: por trás da fama, um passado dramático
(11/25)
Sorte

"Eu teria sido uma pessoa trancada para dentro dos meus sentimentos. Mas por ser obrigada a sentir, investigar essas emoções, isso me forçou. Se não fosse por isso, teria criado um muro em torno de mim. Foi uma sorte", afirmou durante live com o jornalista Felipeh Campos.

Entretenimento
Maitê Proença: por trás da fama, um passado dramático
(12/25)
Televisão

Aos 21 anos, estreou como atriz na novela ‘Dinheiro Vivo’ (1979) na Manchete. Inicialmente, sua participação estenderia-se somente a uma semana, porém sua personagem ganhou corpo e ficou até o final da trama.

Entretenimento
Maitê Proença: por trás da fama, um passado dramático
(13/25)
Globo

A sua atuação rendeu o contrato com a Globo. Na época, participaria da novela ‘Coração Alado’, no mesmo ano de 1979, mas, sofreu um acidente de carro que afetou sua coluna, afastando-a de suas atividades por quase um ano.

Entretenimento
Maitê Proença: por trás da fama, um passado dramático
(14/25)
Dedicação

Entre altos e baixos no início da sua carreira, Maitê, por diversas vezes, pensou em desistir de atuar, mas, em 1981, recebeu o convite de Jorge Talma para a novela ‘Jogo da Vida’. Dedicou-se ao ofício e enfrentou uma maré de críticas.

Entretenimento
Maitê Proença: por trás da fama, um passado dramático
(15/25)
Dona Beija

E foi a partir daí que ela não parou mais. Dentre alguns personagens inesquecíveis, a própria Dona Beija (1986), a fotógrafa Camila em ‘Sassaricando’ (1987), a professora Clotilde em ‘O Salvador da Pátria’ (1989) e a doce Helena em 'Felicidade' (1991).

Entretenimento
Maitê Proença: por trás da fama, um passado dramático
(16/25)
Bufo & Spallanzani

Já nos anos 1990 e 2000, dedicou-se também ao cinema onde ganhou diversos prêmios. Fez parte do elenco de ‘A Hora Mágica’ (1998), ‘Paixão Perdida’ (1998), ‘Tolerância’ (2000) e ‘Bufo & Spallanzani’ (2001).

Entretenimento
Maitê Proença: por trás da fama, um passado dramático
(17/25)
Vila Madalena

Nessa mesma época, integrou o elenco fixo da série ‘A Vida Como Ela É’, participou do elenco central de 'Torre de Babel’ (1998) e estrelou a novela ‘Vila Madalena’ (1999), ao lado de Cristiana Oliveira, Edson Celulari, Herson Capri.

Entretenimento
Maitê Proença: por trás da fama, um passado dramático
(18/25)
Época

Em 2003, Maitê mostrou seu lado escritora e conquistou o público com sua coluna quinzenal na revista Época. Simultaneamente, destacou-se em uma temporada de 'Malhação' (foto).

Entretenimento
Maitê Proença: por trás da fama, um passado dramático
(19/25)
Verinha, em 'Da Cor do Pecado'

Em 2004, esteve presente, ao lado de Ney Latorraca, no elenco de ‘Da Cor do Pecado’. No folhetim deu vida a cômica Verinha, uma mulher fútil, falida e mãe da antagonista principal da novela, Bárbara, vivida por Giovanna Antonelli.

Entretenimento
Maitê Proença: por trás da fama, um passado dramático
(20/25)
Livro de crônicas

Em 2005, publicou seu primeiro livro ‘Entre os ossos e a escrita’. Nele, reuniu suas melhores crônicas editadas pela Época.

Entretenimento
Maitê Proença: por trás da fama, um passado dramático
(21/25)
Escritora

Maitê também é autora de ‘Todo Vícios’ (2014), ‘É Duro Ser Cabra Na Etiópia’ (2013), 'Uma Vida Inventada (2008), ‘A Beira do Abismo Me Cresceram Asas’ (2012) e ‘A mulher de Bath’ (2020).

Entretenimento
Maitê Proença: por trás da fama, um passado dramático
(22/25)
Acidente

Em 2008,  Maitê sofreu um acidente ao cair de um cavalo e machucou o pescoço e a coluna. Mas, dessa vez, não parou, seguiu gravando a novela ‘Três Irmãs’, o programa ‘Saia Justa’ e narrando  ‘Belezas Francesas’.

Na foto, aparece ao lado de Sônia Braga e Caetano Veloso, durante um protesto contra a destruição da Amazônia, em 2019.

Entretenimento
Maitê Proença: por trás da fama, um passado dramático
(23/25)
Liberdade Liberdade

Em 2016, entrou para a novela das 23h, da TV Globo, ‘Liberdade Liberdade’, seu trabalho mais recente na TV Globo.

Entretenimento
Maitê Proença: por trás da fama, um passado dramático
(24/25)
Pandemia

Mostrou que é capaz de reinventar-se e, durante a pandemia, esteve em cartaz e brilhou com o monólogo online ‘O Pior de Mim’.

Entretenimento
Maitê Proença: por trás da fama, um passado dramático
(25/25)
Youtube

A atriz é ativa nas redes sociais, onde conversa através de lives e trata de assuntos da atualidade. Também possui um canal no Youtube.

No te pierdas

Más para ti