Leonardo DiCaprio: carreira, amores e ativismo

Cada vez melhor
Tudo começou com 'Growing Pains' ('Tudo em Família', no Brasil)
Maravilhosos anos 1990
Uma grande transformação
Influencer de outra época
Despertar de um Homem ('A Vida deste Rapaz', em Portugal)
Primeira indicação ao Oscar
Romeu + Julieta ('Romeu e Julieta', em Portugal)
Fama titânica
Uma grande amizade
Prenda-Me se For Capaz (Brasil) / Apanha-Me se Puderes (Portugal)
Leo e as modelos
De Naomi para Camila
Leo e Gisele
Raramente compareciam juntos a eventos
Diferenças de estilo de vida
Um ativista ambiental
Fundação Leonardo DiCaprio
Um documentário
Mensageiro da Paz
30 anos de carreira
'Don't Look Up' e 'Killers of the Flower Moon'
Televisão e 'Roosevelt'
Finalmente, o Oscar
Cada vez melhor

Sim. Leonardo DiCaprio já é um homem maduro. Continua lindo e, cada vez que aparece em um filme, sua interpretação supera a anterior, se é que isso é possível.  Mas ele não virou uma estrela de Hollywood da noite para o dia. Foi preciso tempo e muita paciência. Confira sua história na galeria!

Tudo começou com 'Growing Pains' ('Tudo em Família', no Brasil)

DiCaprio começou a trilhar seu caminho para a fama em 1991, com seu primeiro papel semi-permanente em uma série de TV: 'Growing Pains'. Naquele mesmo ano, o jovem Leo também fez sua estreia na telona, no filme de terror 'Critters 3'.

Maravilhosos anos 1990

A década de 1990 foi crucial para o ator. Começou com pequenos papéis, mas terminou com sua carreira no auge. Leonardo DiCaprio virava o galã do cinema por quem todo mundo estava apaixonado.

Uma grande transformação

Na montagem, é possível ver o ator com sua aparência atual, ao lado de sua versão de anos atrás. Se tem algo que não mudou é o olhar sedutor!

Influencer de outra época

Leonardo DiCaprio, ao surgir no cinema, também fazia fãs suspirarem com seu estilo, penteado e com este sorriso inconfundível.

Despertar de um Homem ('A Vida deste Rapaz', em Portugal)

Um momento de confirmação do tamanho do talento de Leonardo DiCaprio aconteceu em 1993, quando ele tinha 19 anos. Dividiu protagonismo com Robert De Niro em 'Despertar de um Homem' ('A Vida deste Rapaz', em Portugal).

Primeira indicação ao Oscar

No mesmo ano, DiCaprio estrelou 'Gilbert Grape - Aprendiz de Sonhador', ao lado de Johnny Depp. O trabalho rendeu-lhe sua primeira indicação ao Oscar, no caso de Melhor Ator Coadjuvante, e muitos consideram que esse foi o impulso que ele precisava para ser visto como um ator promissor em Hollywood.

Romeu + Julieta ('Romeu e Julieta', em Portugal)

Até que chegou, em 1996, a vez de contracenar com a menina 'it' dos anos 1990, Claire Danes. Como se fosse pouco interpretar Romeu e virar a paixão de adolescentes da época, o ator então conseguiu o papel de Jack em 'Titanic', lançado em 1997.

Fama titânica

'Titanic', o filme de James Cameron, foi um fenômeno mundial. No cinema, centenas de pessoas faziam filas para assistir à trágica história de Jack Dawson e Rose repetidamente.

Uma grande amizade

'Titanic' não apenas ganhou vários prêmios e solidificou as carreiras de Leonardo e Kate, também proporcionou uma amizade duradoura entre as duas estrelas.

Prenda-Me se For Capaz (Brasil) / Apanha-Me se Puderes (Portugal)

DiCaprio continuou a ter grande sucesso no mundo da atuação no início do novo milênio. Sua vida pessoal também era de interesse público, embora o ator tentasse ser discreto. O fato é que a estrela de 'Catch Me If You Can' (foto) nunca teve problemas com o cupido.

Leo e as modelos

DiCaprio sempre teve uma queda por modelos e, certamente, sua beleza e status de estrela o ajudaram a conquistar algumas das m u l h e r e s mais bonitas do mundo.

De Naomi para Camila

Há três anos, ele mantém um relacionamento com Camila Morrone (foto), mas, antes, na década de 1990, poderia ter tido um affair com Naomi Campbell. Outras divas como Bar Rafaeli e Eva Herzigova também fazem parte de seu histórico amoroso.

Leo e Gisele

Mas a relação mais midiática de Leonardo DiCaprio foi com a top model brasileira Gisele Bündchen, de 1999 a 2005. Juntos, formavam um casal deslumbrante.

Raramente compareciam juntos a eventos

Infelizmente para os fãs, o casal raramente era visto em público. Essa foto de Gisele Bündchen e Leonardo DiCaprio é do Oscar de 2005, um evento realmente importante para um intérprete!

Diferenças de estilo de vida

Anos depois, Bündchen falaria, em sua biografia, sobre sua separação do ator. A causa teria sido  discrepâncias no estilo de vida de cada um.

Um ativista ambiental

De forma paralela ao trabalho em Hollywood, DiCaprio dedica seu tempo e seu amor a sua Fundação, que luta pela preservação do meio ambiente.

Fundação Leonardo DiCaprio

A Fundação Leonardo DiCaprio foi criada em 1998 e tem como objetivos "devolver o equilíbrio aos ecossistemas ameaçados e garantir a saúde e o bem-estar, a longo prazo, de todos os habitantes da Terra".

Um documentário

O empenho do ator é tanto que, em 2009, lançou seu próprio documentário intitulado 'The 11th Hour', que examina o que acontecerá no mundo se nada for feito para aliviar os efeitos do aquecimento global.

Mensageiro da Paz

Em 2014, Leonardo DiCaprio foi nomeado Mensageiro da Paz pela Organização das Nações Unidas, em reconhecimento a sua ajuda ao planeta. DiCaprio é participante da Cúpula do Clima e palestrante sobre a importância da consciência ambiental.

30 anos de carreira

Leonardo DiCaprio cultiva uma carreira de mais de trinta anos em Hollywood e, claro, tem recursos financeiros mais que suficientes para aposentar-se quando quiser! No entanto, o ator de sucesso não mostra sinais de desaceleração.

'Don't Look Up' e 'Killers of the Flower Moon'

De 'Era Uma Vez Em... Hollywood' de Quentin Tarantino a seus projetos mais recentes como 'Não Olhe para Cima' ('Don't Look Up' - foto) e 'Killers of the Flower Moon' de Scorcese, Leonardo não para.

Televisão e 'Roosevelt'

Além disso, segundo a Variety, DiCaprio fará uma rara atuação na TV em uma adaptação do livro 'The Devil in the White City'. Já o Hollywood Reporter foi o primeiro a anunciar que ele interpretaria Teddy Roosevelt na cinebiografia intitulada 'Roosevelt'.

Finalmente, o Oscar

O reconhecimento parecia demorar a chegar. Leonardo DiCaprio foi indicado quatro vezes ao Oscar antes de finalmente ser anunciado vencedor do troféu, em sua quinta indicação, por seu trabalho em 'O Regresso' ('The Revenant: O Renascido', em Portugal), filme de 2016. Em 2020, disputou o prêmio novamente.

Más para ti