Thelma, Carminha... qual a melhor personagem de Adriana Esteves?

Amor de Mãe (2019)
Top Model (1989)
Meu Bem Meu Mal (1990)
Pedra Sobre Pedra (1992)
Renascer (1993)
A Indomada (1997)
Torre de Babel (1998)
O Cravo e a Rosa (2000)
Coração de Estudante (2002)
Kubanacan (2003)
Senhora do Destino (2004)
Avenida Brasil (2012)
Babilônia (2015)
Justiça (2016)
Segundo Sol (2018)
Amor de Mãe (2019)

A novela mal voltou ao ar e Adriana Esteves já é um dos termos mais buscados no Google. Tudo isso devido a sua brilhante interpretação como Thelma, uma mãe capaz de tudo por seu filho, comprado no passado para substituir o que tinha perdido. Na galeria, contamos como foi o caminho da atriz até o sucesso.

Top Model (1989)

Nem todo mundo lembra do começo da carreira desta brilhante atriz, nascida no Rio de Janeiro no dia 15 de dezembro de 1969. Foi depois de participar de um concurso no Programa do Faustão que ela ganhou seu primeiro papel de destaque na TV. E assim, em 1989, estreia em 'Top Model'.

Meu Bem Meu Mal (1990)

Um ano depois, a atriz alcançou a fama e os elogios dos brasileiros ao interpretar Patrícia, uma garota rica que tenta se vingar de Ricardo (José Mayer), por quem acaba se apaixonando. Estamos falando da novela 'Meu Bem Meu Mal'. A atriz já dava sinais do seu potencial como vilã.

Pedra Sobre Pedra (1992)

Adriana Esteves continuou crescendo na TV Globo e, em 1992, protagonizou 'Pedra sobre Pedra, onde sua personagem, Marina, vivia um amor proibido com Leonardo (Maurício Mattar).

Renascer (1993)

Sua atuação nesta novela, protagonizada por Antônio Fagundes, lhe trouxe críticas negativas. Quando terminaram as gravações, a atriz sofreu de depressão e passou um tempo afastada da televisão.

A Indomada (1997)

Tivemos que esperar quatro anos para ver Adriana Esteves comandar uma nova trama. Em 'A Indomada', interpretou Eulália (primeira fase) e sua filha Lúcia Helena. Esta aparece na segunda fase da novela para enfrentar os inimigos da família, na cidade de Greenville.

Torre de Babel (1998)

Em 'Torre de Babel', Adriana Esteves mostrou seu lado cômico na pele da garçonete Sandrinha. A música 'Só no Sapatinho' fez sucesso devido as suas cenas!

O Cravo e a Rosa (2000)

Adriana Esteves e Eduardo Moscovis fizeram um dos melhores e mais engraçados casais da história das novelas. Catarina era uma mulher com ideias feministas e de forte personalidade nesta história ambientada nos anos 20.

Coração de Estudante (2002)

Amelinha era a namorada do jovem professor 'Eduardo' (Fabio Assunção). Embora tente acabar com o novo romance do ex, acaba se apaixonando por um peão (Vladimir Brichta) da fazenda do seu pai.

Kubanacan (2003)

Da ficção à realidade. Nesta louca novela das sete, Adriana Esteves fez par romântico com Vladimir Brichta, que virou seu marido na vida real. Eles permanecem juntos até hoje.

Senhora do Destino (2004)

A icônica vilã Nazaré Tedesco foi interpretada por Adriana Esteves na primeira fase desta novela que teve Susana Vieira, Renata Sorrah, Carolina Dieckmann como protagonistas.

Avenida Brasil (2012)

A consagração definitiva de Adriana Esteves veio com 'Avenida Brasil', na qual ficou mundialmente conhecida por interpretar a vilã Carminha. A novela foi exibida em diversos países da América Latina, Europa, África e inclusive Ásia.

Babilônia (2015)

Nesta novela, seu papel era de uma advogada falida, Inês, que, por inveja, tenta destruir todos os planos da sua amiga da adolescência.

Justiça (2016)

Foi indicada ao Prêmio Emmy Internacional de Melhor Atriz por seu trabalho nesta minissérie, onde interpreta uma dona-de-casa, acusada injustamente por tráfico.

Segundo Sol (2018)

Depois de 'Carminha', chega outra vilã de sucesso na carreira de Adriana Esteves. Trata-se de 'Laureta', uma empresária envolvida em negócios ilícitos.

Más para ti