Os momentos mais fascinantes do fenômeno OVNI

Um assunto fascinante
Questão de debate político nos Estados Unidos
Arquivos desclassificados
Avistamentos históricos
Kenneth Arnold
Errático, brilhante e rápido
Discos voadores
As luzes estranhas no Chile, no século XIX
Outro OVNI no Chile
Um alienígena em Talca
Os três fenômenos de Copiacó
Todo mundo já viu algo?
Projeto Blue Book
Um alto custo
O caso Roswell
Dois terços da população ainda acreditam que era real
Testemunhas confiáveis?
Turismo ufológico
Área 51
Programas contra os soviéticos
OVNIs e armas nucleares
Mísseis afetados por supostos visitantes
Interessado em armamento americano?
Ordem de ataque em um OVNI
O objeto que os pilotos britânicos perseguiram
O incidente de Shag Harbor
O Caso Valdés
O encontro Voronezh
Avistamento em Phoenix
Nave em forma de delta
Avistamentos de pilotos chilenos
O segredo de Winston Churchill
Material perdido
O Caso Oumuamua
Características do objeto mais controverso
Enviado intencionalmente por alienígenas?
Um objeto nunca visto antes
O ET de Varginha
Os visitantes da pandemia
Outros casos relatados de avistamentos
Celebridades também envolvidas no tema
Um assunto fascinante

O Pentágono admitiu, recentemente, haver registrado pelo menos 400 avistamentos de objetos voadores não identificados, nos Estados Unidos, desde 2004. O mundo inteiro voltou a mostrar interesse pelo fenômeno. Tem alguém lá fora? São apenas fenômenos naturais ou espiões inimigos?

Questão de debate político nos Estados Unidos

A questão dos OVNIs tem sido tão profunda nos Estados Unidos, que foi levada ao Congresso para ser debatida, depois de 50 anos. E surpreendeu ainda mais depois que o vice-diretor de Inteligência do Exército do Departamento de Defesa dos Estados Unidos, Scott Bray, garantiu que “são frequentes e contínuos”.

Arquivos desclassificados

Por sua vez, outros lugares como a França, em 2007, e o Reino Unido, em 2011, já revelaram os arquivos nacionais sobre OVNIs. O Japão também demonstrou interesse pelo tema, em 2020, ao anunciar um novo protocolo de ação para seu Exército, em caso de avistamentos.

Imagem: Albert Antony/Unpslah

Avistamentos históricos

Mas, além das últimas revelações nos EUA, se olharmos para trás, há muitos momentos que ficaram na história em torno do fenômeno OVNI. Relembremos os mais conhecidos, na galeria!

Kenneth Arnold

O primeiro avistamento registrado de um objeto voador não identificado data de 24 de junho de 1947 e foi relatado pelo piloto americano Kenneth Arnold (no centro da imagem).

Errático, brilhante e rápido

De acordo com Arnold, enquanto procurava uma aeronave desaparecida, ele pôde ver no céu do Monte Rainier (Washington) nada menos que nove objetos. A agência Associated Press publicou, na época, que ele os descreveu como "extremamente brilhantes", com um "vôo errático" e movendo-se "a uma velocidade tremenda".

Discos voadores

É a partir do caso de Kenneth Arnold que surge o "mito" do OVNI de formato oval e que veio a ser chamado de "disco voador", pois, em suas próprias palavras, "voavam de forma irregular, como um disco lançado na água".

As luzes estranhas no Chile, no século XIX

Outros episódios, porém, vão muito mais longe no tempo. A escritora Maria Graham garantiu, em seu livro, haver visto, no dia 19 de novembro de 1822, em Quintero (Chile), uma série de luzes estranhas sobre o mar.

Outro OVNI no Chile

Em 3 de dezembro de 1853, o co-fundador de Puerto Montt, comandante Buenaventura Martínez Díaz, testemunhou outro fenômeno na ilha de Huar: um objeto que "atravessou as nuvens na forma de uma faísca".

Um alienígena em Talca

Os avistamentos no país sulamericano não acabam por aí. Em 15 de maio de 1861, o jornal 'La Esperanza' relatou os dias de terror que os cidadãos da cidade de Talca experimentaram, não por causa de um OVNI, mas pela presença de um ser que parecia de outro mundo.

Imagem: Stephen Leopardi/Unsplash

Os três fenômenos de Copiacó

No entanto, “três fenômenos aéreos inexplicáveis”, segundo o El Constituente, ocorreram em março, julho e novembro de 1868 em Copiacó, também no Chile. A cidade voltou a ser centro das atenções em 2013, devido a outro avistamento relatado por alguns trabalhadores.

Todo mundo já viu algo?

Existem, na verdade, milhares de relatos de avistamentos de OVNIs, seja por membros das forças armadas de diferentes países, pilotos de aeronaves ou pessoas comuns. Entretanto, a maioria deles tem uma explicação científica, outros permanecem perturbadoramente enigmáticos.

Projeto Blue Book

De 1948 a 1969, o Projeto Blue Book foi realizado nos Estados Unidos. Tratou-se de uma iniciativa do governo para investigar se os OVNIs poderiam representar uma ameaça à segurança nacional. Tudo isto após a Força Aérea reportar 12.618 avistamentos, dos quais 701 são considerados, até hoje, "não identificados".

Um alto custo

O projeto Blue Book foi finalmente encerrado, devido ao alto custo envolvido. Desde então, de acordo com os arquivos desclassificados pelos Estados Unidos, “nada aconteceu para indicar que a Força Aérea deveria retomar a investigação de OVNIs”.

O caso Roswell

Em 1947, conta-se que um objeto voador não identificado caiu em um campo da cidade de Roswell, no Novo México. Imediatamente, teria havido um encontro com alienígenas.

Dois terços da população ainda acreditam que era real

O governo dos EUA alegou que o ovni era um balão meteorológico e não um disco voador, como muitos alegaram inicialmente. No entanto, de acordo com uma pesquisa da CNN, publicada em 1997, quase dois terços dos americanos nunca acreditaram na versão oficial.

Testemunhas confiáveis?

Houve supostas testemunhas que afirmaram, então, haver visto como os militares removiam o objeto não identificado e os corpos dos extraterrestres da área do incidente. Até mesmo o ex-oficial de Relações Públicas do Exército, Walter Haut, disse em 1997: "Nós tinhamos em nosso poder um disco voador".

Turismo ufológico

Atualmente, Roswell vive do turismo mantido por amantes do mundo dos OVNIs e alienígenas, que continuam a procurar respostas na cidade. De fato, lá, há um Museu OVNI muito visitado.

Área 51

E se Roswell tem todo essa história de mistério, o que dizer da Área 51? A lenda conta que é um espaço de terra no meio do deserto de Nevada, ultrassecreto, que esconde OVNIs e corpos alienígenas.

Programas contra os soviéticos

Em 2013, a CIA reconheceu, pela primeira vez, que a Área 51 era um espaço militar secreto localizado a uma curta distância a noroeste de Las Vegas. Entretanto, não escondia nenhum alienígena. Era usada para testar o U-2 e programas de vigilância aérea OXCART contra os soviéticos, em plena Guerra Fria.

OVNIs e armas nucleares

Também podemos relembrar as declarações que sete ex-membros da Força Aérea dos Estados Unidos fizeram em 2010. Eles afirmaram que viram OVNIs perto de instalações de armas nucleares, entre os anos 1960 e 1980.

Mísseis afetados por supostos visitantes

O momento foi descrito por Robert Salas, um ex-capitão da Força Aérea assim: “Nossos mísseis começaram a entrar no que é chamado de condição de inatividade, e não poderiam ser lançados. Basicamente, foram desativados enquanto este objeto ainda estava entre nós."

Interessado em armamento americano?

O ufólogo Robert Hastings, organizador da coletiva de imprensa onde foram relatados esses avistamentos, disse: "Esses senhores acreditam que este planeta está sendo visitado por seres de outro mundo, interessados pela carreira de armas nucleares que começou no final da Segunda Guerra Mundial".

Ordem de ataque em um OVNI

Já o jornal The Times publicou que, em 20 de maio de 1957, de acordo com uma série de arquivos secretos britânicos, dois pilotos estadunidenses receberam ordens para atacar e abater um OVNI no céu do interior da Inglaterra.

O objeto que os pilotos britânicos perseguiram

O objeto, segundo Milton Torres (um dos pilotos envolvidos), "estava se movendo de forma irregular". Além disso, tinha um tamanho, segundo seu radar, como o de "um porta-aviões voador" e "ficou suspenso no ar por vários momentos, antes de desaparecer a uma velocidade estimada de 12.000 quilômetros por hora".

O incidente de Shag Harbor

O Canadá é outro país com sua própria história de avistamentos. Sem dúvida, o mais conhecido é o incidente de Shag Harbor, uma pequena vila na península da Nova Escócia. Lá, no dia 4 de outubro de 1967, um grupo de pescadores viu um objeto luminoso caindo nas águas do Oceano Atlântico. Em um princípio, pensou-se que fosse um avião, mas nunca encontraram restos...

O Caso Valdés

Em 25 de abril de 1977, ocorreu o Caso Valdés, o evento OVNI mais famoso da história do Chile. De acordo com os rumores espalhados por pessoas que acreditavam na existência de extraterrestres, um objeto alienígena sequestrou Armando Valdés, um cabo do exército chileno. No entanto, na celebração do II Encontro Ufológico de Maipú, a parte afetada negou os fatos. Ele não foi sequestrado, só havia saído para u r i n a r, mas admitiu que uma grande luz "cegou" seus soldados.

O encontro Voronezh

Em 27 de setembro de 1989, outro caso bem lembrado foi registrado na cidade de Voronezh, Rússia. Muitas testemunhas (que ainda mantêm sua versão hoje), disseram ver um OVNI e ter um encontro com alienígenas. Esse fato foi muito midiático, principalmente ao ser veiculado pela agência oficial de notícias TASS.

Avistamento em Phoenix

Em março de 1997, outro fenômeno ocorreu na cidade de Phoenix, nos Estados Unidos. Muitas pessoas afirmaram ter visto um enorme objeto voador que não parecia feito por um ser humano...

Nave em forma de delta

Uma dessas pessoas foi Fife Symington, ex-governador do Arizona e ex-oficial da Força Aérea. Ele declarou à CNN: "Eu testemunhei uma enorme nave em forma de delta navegando silenciosamente sobre Squaw Peak, uma cordilheira em Phoenix, Arizona. Foi realmente impressionante. Fiquei absolutamente atordoado porque estava virando para o oeste procurando as distantes luzes de Phoenix".

Avistamentos de pilotos chilenos

Em 2007, novamente no Chile, o Exército do país revelou, em uma reunião de ufólogos realizada em Viña del Mar, que alguns de seus pilotos haviam feito avistamentos de OVNIs. O capitão Rodrigo Bravo descreveu o momento, segundo a agência de notícias EFE, como "experiências espetaculares em lugares diferentes."

O segredo de Winston Churchill

Em 2010, quando alguns relatórios foram tornados públicos pelo Ministério da Defesa, soube-se que o primeiro-ministro britânico Winston Churchill (nos períodos 1940 a 1945 e de 1951 a 1955) ordenou manter em segredo, por 50 anos, supostos avistamentos de OVNIs pela Força Aérea. Tudo isso  para não provocar "pânico em massa" entre a população.

Material perdido

A ordem foi considerada tão séria que foi criado um comitê de especialistas em avistamentos, no qual estava Nick Pope. O cientista garantiu à BBC que "Churchill e Eisenhower decidiram esconder os avistamentos extraordinários de um avião da Royal Air Force retornando de um bombardeio”. Pope também disse que “a maior parte do material de arquivo da década de 1950 foi destruída”.

O Caso Oumuamua

Oumuamua foi um objeto misterioso que passou pelo Sistema Solar, em 2017, e foi descoberto e seguido por vários telescópios, durante três dias, até desaparecer. Provocou um grande debate entre a comunidade científica. A maioria garantiu que era um asteroide ou cometa raro, mas havia quem afirmasse que talvez fosse uma enorme nave alienígena.

Características do objeto mais controverso

De acordo com os cálculos feitos, Oumuamua tinha cerca de 400 metros de comprimento por cerca de 40 de largura e uma superfície avermelhada. Mas o mais surpreendente foi que sua trajetória não era linear, e sim caótica. Girava muito rapidamente e com mudanças muito pronunciadas.

Enviado intencionalmente por alienígenas?

Primeiro falou-se que poderia ser um asteroide ou um cometa, mas, com o tempo, surgiram vozes discordantes, como as dos astrônomos Shmuel Bialy e Abraham Loeb (na imagem). Os autores de um estudo publicado na revista Astrophysical Journal Letters disseram que "Oumuamua pode ser uma sonda totalmente operacional enviada intencionalmente para a Terra por uma civilização alienígena".

Um objeto nunca visto antes

Na verdade, Loeb é um grande defensor de que Oumuamua é "o primeiro objeto descoberto no Sistema Solar que se originou fora do Sistema Solar". Ele lembrou, em entrevista à BBC, que suas características incomuns "o tornam um objeto raro, nunca visto antes”.

O ET de Varginha

No Brasil, a cidade de Varginha (MG) ficou conhecida por sua população garantir haver recebido a visita de alienígenas na tarde de 26 de janeiro de 1996. Três mulheres relataram deparar-se com uma criatura de cerca de 1,6 metros de altura, com cabeça grande, corpo fino, pés em forma de V, pele marrom e grandes olhos vermelhos. Os rumores espalharam-se e outras pessoas garantiram também haver encontrado alienígenas e visto disco voadores. A imprensa do país deu ampla cobertura ao caso.

Os visitantes da pandemia

Os relatos de avistamentos cresceram exponencialmente durante os meses de confinamento devido à pandemia de covid-19. De repente, as redes sociais encheram-se de fotos e vídeos de supostos OVNIs. Realidade ou tédio?

Outros casos relatados de avistamentos

Além dos avistamentos de OVNIs já mencionados, houve muitos outros em outros lugares do mundo. Por exemplo, os que a Marinha Argentina supostamente experimentou na Antártida, em 1965; o incidente de Teerã, em 1976; os de Manises (1979), Canárias (1976-1979) e Ochate (1981), na Espanha, e o incidente de Colares, no Brasil, em 1977.

Celebridades também envolvidas no tema

Também encontramos histórias de pessoas famosas sobre avistamentos de OVNIs, como a da candidata republicana ao Congresso de Miami, Bettina Rodríguez. Ela disse ter sido abduzida por alienígenas em 2009. Já o artista argentino Andrés Calamaro, garantiu ter visto um OVNI nos anos 1980, quando estava no meio de uma turnê, pela Argentina, com seu grupo Los Plateros.

Veja também: Ney Matogrosso e outras celebridades que garantem haver visto Ovnis

Más para ti