O país da Europa que já considera a pandemia terminada

Página virada
Alta porcentagem de vacinados
Uma doença não mais pandêmica
Sob controle
Avanço na vacinação
Protestos contra restrições
Os números da pandemia na Dinamarca
Flexibilidade
O caso da Espanha
Números atuais da pandemia
Riscos
Governo em alerta
Algum dia a normalidade retornará
Cuidado
Saudade de outros tempos
Reuniões de grupos
Esperança
Página virada

A variante delta ainda mantém o planeta dominado pela covid-19. Entretanto, há um país europeu que decidiu virar, teoricamente, esta página.

Alta porcentagem de vacinados

Mais de 70% da população do país está vacinada. No dia 10 de setembro as restrições vão acabar e a antiga normalidade vai voltar. De que nação estamos falando?

Uma doença não mais pandêmica

A Dinamarca decidiu dar por encerrado o período da pandemia. Seu governo considera que a covid-19 não é mais uma ameaça. Na verdade, o Ministério da Saúde do país não inclui mais a infecção por coronavírus como uma “doença crítica para a sociedade”.

Sob controle

O governo dinamarquês acredita que a covid-19 está "sob controle" e, portanto, os residentes devem voltar à vida de antes. Assim, não será mais necessário apresentar o “passaporte covid” para entrar em restaurantes, bares e outros locais públicos.

Avanço na vacinação

A Dinamarca é um dos países do mundo com o maior percentual de população vacinada: 74,9% no final de agosto.

Protestos contra restrições

Assim como em outros lugares, o país enfrentou  protestos contra as restrições impostas para evitar contágios, embora estas não fossem tão duras. De fato, o confinamento foi baseado em recomendações.

(Na foto, a primeira-ministra dinamarquesa Mette Frederiksen )

Os números da pandemia na Dinamarca

A verdade é que a covid-19 também foi trágica na Dinamarca e trouxe sofrimento a muitas casas. Até agora, contabilizam-se 342.866 infecções e 2.575 mortes para um país de 5,8 milhões de habitantes.

Flexibilidade

Embora o uso da máscara ao ar livre nunca tenha sido obrigatório, testes de antígenos eram oferecidos gratuitamente, inclusive em stands montados na rua.

O caso da Espanha

Em outros lugares como a Espanha, o uso de máscara sim foi obrigatório seja em espaços fechados ou no exterior. Concretamente lá, 70% da população já está vacinada com as duas doses.

Números atuais da pandemia

Segundo dados da Johns Hospkins University (referência acadêmica para a covid-19), atualmente a mortalidade na Dinamarca é de 44,42 por 100 mil habitantes. No final de agosto, havia 127 pessoas hospitalizadas por contágio de coronavírus.

Riscos

Mas a Dinamarca alcançou imunidade de grupo? É arriscado acreditar que sim. Com a variante delta (mais contagiosa e com maior probabilidade de causar sintomas graves), os cientistas aconselham vacinar mais de 90% de população.

Governo em alerta

Assim, o governo dinamarquês avisa que não hesitará em recuperar as restrições se detectar um crescimento preocupante de casos de covid-19.

Algum dia a normalidade retornará

De qualquer forma, a Dinamarca pode servir de termômetro sobre o rumo da pandemia. O que acontecer por lá a partir de agora poderá inspirar medidas em outros países que passam por um momento parecido.

Cuidado

Os cientistas, entretanto, preferem que permaneçamos cautelosos. E, acima de tudo, falam da importância de vacinar a população dos países pobres, porque se o vírus continuar a circular, novas variantes surgirão.

Saudade de outros tempos

A exaustão provocada por quase dois anos de pandemia no mundo leva a um desejo generalizado de que tudo volte ao que era antes, quando, por exemplo, ir a um show era sinônimo de alegria e não de perigo.

Imagem: Nainoa Shizuru / Unsplash

Reuniões de grupos

Por enquanto, na Dinamarca já pode haver reuniões de grandes grupos. As festas (mesmo dentro de casa) podem ser como antes.

Imagem: Brian Kyed / Unsplash

Esperança

Esperemos que, em breve, todo o mundo possa dizer adeus à covid-19 ou, pelo menos, que a doença vire apenas uma gripe.

Más para ti