Quem é Roman Abramovich?
O que é, exatamente, um oligarca russo?
Bilionário
Bilionários russos em Londres
Amigos de Putin
As raízes de Roman Abramovich
Abramovich, órfão
Serviço militar
Casamentos
Livre para todos na Rússia pós-Sovjet
Preso
Proprietário do Chelsea
Um divórcio bilionário
Sua terceira ex-mulher
Investimento no Chelsea
Tempos de glória para o Chelsea de Abramovich
Governador de Chukotka
Patrimônio líquido de Roman Abramovich
Como Roman Abramovich gasta seu dinheiro?
Proteção no Reino Unido
Amante da arte
Proprietário de iates
Festas com as estrelas
Filantropo
O que vai acontecer agora?
Futuro incerto para o Chelsea
Adeus, Solaris
Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(1/27)
Quem é Roman Abramovich?

Roman Arkadyevich Abramovich, nascido em Saratov (Rússia), em 1966, é um oligarca, político e proprietário do clube de futebol inglês Chelsea. Com o ataque russo na Ucrânia, ele e outros grandes empresários russos têm sido objeto de sanções econômicas internacionais. Diante da situação, Abramovich pôs o time à venda, mas  o governo britânico o proibiu de fazer tal negócio.

Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(2/27)
O que é, exatamente, um oligarca russo?

Os oligarcas russos são líderes empresariais surgidos no que eram antigas repúblicas soviéticas. Eles acumularam, rapidamente, riqueza, durante a era da privatização russa, na década de 1990. Possuem jatos, iates e mansões, mas, com o início da guerra, estão à beira de um abismo.

Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(3/27)
Bilionário

Abramovich fez sua fortuna nos anos imediatamente posteriores ao colapso da União Soviética, colocando as mãos em ativos estatais russos, a preços muito abaixo do valor de mercado.

Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(4/27)
Bilionários russos em Londres

Mas ele não é o único. Como o Business Insider relata, há mais bilionários russos por aí, comprando as propriedades mais valiosas de Londres. Como por exemplo, Alisher Usmanov (foto).

Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(5/27)
Amigos de Putin

O Daily Mirror garante que o proprietário do Chelsea, Roman Abramovich, conhece o presidente russo, Vladimir Putin, há décadas. A relação deles, agora, está sob a mira do mundo.

Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(6/27)
As raízes de Roman Abramovich

A família de Abramovich é judia. Sua mãe, Irina Vasilievna Abramovich, era uma professora de música, que morreu quando ele tinha menos de 2 anos de idade. Seu pai, Aron (Arkady) Abramovich Leibovich, trabalhou no conselho econômico da Komi ASSR, uma república soviética do norte.

Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(7/27)
Abramovich, órfão

The Guardian conta que quando Abramovich tinha 4 anos, seu pai morreu em um acidente de construção. Ele foi então adotado por um tio paterno, e morou, por um tempo, em Moscou. Depois ficou com seus avós maternos, na região norte de Komi.

Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(8/27)
Serviço militar

Abramovich não obteve um diploma universitário. Ele desistiu dos estudos duas vezes. Já no exército, começou a fazer negócios como, por exemplo, "vender gasolina roubada a oficiais", segundo o Gentlemen's Journal.

Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(9/27)
Casamentos

Abramovich foi casado e divorciado três vezes. Primeiro com Olga Yurevna Lysova, de 1987 a 1990. Mas ele não ficou solteiro por muito tempo. Em 1991, casou-se com Irina Malandina, sua segunda esposa, com quem permaneceu até 2007.

Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(10/27)
Livre para todos na Rússia pós-Sovjet

Foi na época de seu casamento com Irina que Roman Abramovich passou da quase pobreza para uma riqueza incrível. Na época da transição da Rússia a um Estado capitalista, ele ganhou dinheiro vendendo caminhões-tanque de diesel. Com facilidades dadas pelo país, na época, conseguiu comprar uma empresa de petróleo do Estado.

Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(11/27)
Preso

Abramovich foi preso em 1992 por desviar um trem cheio de diesel - propriedade do governo - no valor de 3,8 milhões de rublos, usando papéis falsos, segundo o Gentlemen's Journal. Mas as acusações contra ele foram retiradas.

Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(12/27)
Proprietário do Chelsea

Em 2003, ele comprou o clube de futebol inglês Chelsea. Tornou-se um homem de bilhões que queria expandir seu império de negócios internacionalmente.

Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(13/27)
Um divórcio bilionário

Ao separar-se de Abramovich, Irina recebeu dinheiro e bens no valor situado entre 1 e 2 bilhões de libras, da fortuna de seu marido (estimada em 11 bilhões de libras). Os detalhes exatos do acordo nunca foram divulgados, de acordo com o Evening Standard.

Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(14/27)
Sua terceira ex-mulher

Um ano após o divórcio com Irina, Abramovich casou-se com Dasha Zhukova, com quem teve dois filhos (ele já tinha cinco!). O casamento durou de 2008 a 2017.

Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(15/27)
Investimento no Chelsea

Abramovich era uma pessoa, relativamente, desconhecida, antes de comprar o Chelsea, em 2003, por US$ 233 milhões. Desde então, ele injetou mais de um bilhão de libras no clube.

Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(16/27)
Tempos de glória para o Chelsea de Abramovich

O Chelsea conquistou 16 grandes troféus, desde então, incluindo a UEFA Champions League, duas vezes, a UEFA Europa League, outras duas, a Premier League, cinco vezes, e mais cinco FA Cup.

Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(17/27)
Governador de Chukotka

Abramovich é ainda o principal proprietário da empresa de investimentos privados Millhouse LLC. Ele também teve ações em empresas de mineração, gás e petróleo, investiu em empresas de esportes e música, e foi o governador da região russa de Chukotka.

Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(18/27)
Patrimônio líquido de Roman Abramovich

Segundo a revista Forbes, o patrimônio líquido de Abramovich era de US$ 12,9 bilhões, em 2019. Naquele ano, era a segunda pessoa mais rica de Israel, onde obteve um passaporte, em 2018, e a décima primeira da Rússia. Ele também é a pessoa mais rica de Portugal, onde obteve a cidadania, em 2021.

Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(19/27)
Como Roman Abramovich gasta seu dinheiro?

Além dos investimentos em negócios, muitos se perguntam em que Roman Abramovich gasta sua fortuna. Uma das respostas é em sua grande equipe de segurança no Reino Unido.

Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(20/27)
Proteção no Reino Unido

Segundo o The Times, Abramovich tem um verdadeiro "exército privado", composto por 40 homens. Estima-se que essa proteção custe cerca de 1,2 milhão de libras por ano.

Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(21/27)
Amante da arte

Além disso, de acordo com o Gentleman's Journal, Abramovich surgiu como um grande comprador do mercado internacional de arte. Adquire desde obras de artistas russos, como Ilya Kabakov, a pinturas de Francis Bacon e Lucian Freud, entre outros.

Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(22/27)
Proprietário de iates

Roman Abramovich também é conhecido por seu amor por iates. Um dos mais impressionantes é o Solaris, que vale mais de 400 milhões de libras, garante o Daily Star. É o superiate feito sob medida mais caro que já entrou na água.

Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(23/27)
Festas com as estrelas

O Mail Online relata que uma festa de Ano Novo promovida por Abramovich custou 5 milhões de libras e contou com um show da Black Eyed Peas. Estiveram presentes celebridades como Demi Moore, a atriz e modelo Rosie Huntington-Whiteley, a modelo Stephanie Seymour, a comediante Ellen DeGeneres, o magnata do cinema Harvey Weinstein e o criador de Star Wars, George Lucas.

Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(24/27)
Filantropo

Em um artigo publicado por Third Sector, Abramovich faz doações privadas, a maioria destinada à instituições na Rússia. Uma delas é a The Pole of Hope, para quem teria enviado 1,5 bilhão de libras. O objetivo é ajudar os residentes na região ártica de Chukotka, onde foi ex-governador, e criou a Academia Nacional de Futebol.

Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(25/27)
O que vai acontecer agora?

Após o ataque russo à Ucrânia, os governos do Reino Unido e dos EUA, além da União Europeia, congelaram os ativos estrangeiros desses chamados oligarcas. Segundo a Forbes, Abramovich é um deles. Seu prejuízo, até agora, está estimado em 1,2 bilhão de dólares, ou 8,4% de seus ativos totais.

Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(26/27)
Futuro incerto para o Chelsea

Em 2 de março, após uma semana de guerra na Ucrânia, Abramovich anunciou que venderia o clube e que uma fundação doaria a 'receita líquida' da venda às vítimas da guerra na Ucrânia, informa a Bloomberg.

Guerra na Ucrânia: a queda do império de Abramovich, dono do Chelsea?
(27/27)
Adeus, Solaris

Enquanto isso, seu superiate Solaris deixou o porto de Barcelona, em 9 de março, de acordo com a agência Reuters. Isso aconteceu depois de outros iates de oligarcas russos serem apreendidos pelo governo francês e surgirem temores de novas e crescentes sanções europeias.

Más para ti